Thursday, February 13, 2014

Semeando perguntas

Acabo de voltar bem energizado do segundo dia de Capacitação Docente na UNOESC, totalmente convencido de que uma das coisas que mais gosto de fazer é ensinar, explicar, desmistificar. Durante o mestrado na UFRGS, em 1998 e 1999, tive uma curta experiência docente na UCPel, onde me formei em Ciência da Computação. Depois disso, fui para a "indústria" e desde então tenho apenas apresentado palestras, talvez ministrado pequenos cursinhos aqui e ali (que já nem lembro bem), e, claro, ajudado muita gente por email e IRC através do TcheLinux e do OeSC-Livre. Mas hoje vejo que a prática do ensino e o ambiente universitário estavam me fazendo falta.

Vou ministrar a disciplina de Introdução ao Hardware, no primeiro semestre do nascente curso de Engenharia da Computação da UNOESC Chapecó, e também ministrar uma disciplina sobre a pilha de redes do kernel Linux, no curso de Pós-Graduação em Administração de Redes da UnC em Concórdia. Estou muito feliz e motivado, e agradeço muito aos colegas Jackson Laskoski e Tiago Zonta por me darem estas oportunidades. :-)

Num momento da capacitação se falou sobre usar perguntas, e lembrei de uma prova de Arquitetura de Computadores que eu apliquei há muitos anos lá na UCPel. No rodapé da prova, eu escrevi para os alunos: Nunca abandone a dúvida, pois quem motiva é a pergunta, não a resposta. Alguns anos depois eu assisti ao filme The Matrix e fiquei alguns momentos me sentindo inteligente :-), ao ver a cena em que a Trinity cochicha para o Neo: It's the question that drives us, Neo.

Esta noite me veio à cabeça uma versão mais ambientada ao Oeste Catarinense: Assim como na colheita, reserve um pouco das suas respostas para semear novas perguntas. É isso aí alunado! Será um prazer enchê-los de perguntas, e ajudá-los a transformá-las não apenas em respostas, mas em mais e melhores perguntas para o próximo plantio!

1 comment:

Jackson Laskoski said...

Eu que agradeço a sua parceira no nosso projeto de Pós-Graduação na UnC, Fábio.

Estou certo que o curso e os alunos são tem a ganhar com sua participação, conhecimento e prestigio.

Abraços! ;-)
Jack